domingo, 17 de fevereiro de 2013

CONVERSA FIADA E AFIADA


           O BLOG DE FEVEREIRO/13

CONVERSA FIADA E AFIADA


A NOITE MAIS ESCURA”
“Não faças coisas más e os males não virão sobre ti.”
                          Eclesiastes
Como não vim aqui pra conciliar e,sim,para desassossegar,hoje quero abordar um  tema complexo e polêmico:   o filme “A Noite Mais Escura”,que trata do assassinato de Bin Laden.
O filme,assisti ontem  e achei muito bem feito.Afinal,é a Kathryn Bigelow  ,sem
dúvida,uma grande diretora.
O filme vem causando muita polêmica, devido aos métodos pouco ortodoxos usados pelos americanos com a total conivência da Casa Branca,que,devido aos fatos  lá tramados ,deveria mudar o nome para “Casa Preta”,graças aos males que vem causando á humanidade.
Os métodos de tortura que a gente assiste assim que começa a fita,embrulham nossos estômagos e nos enchem de indignação.
E a própria morte de Bin Laden,nos indigna ainda mais,isto se tivermos qualquer sentimento de respeito pelos seres humanos,como eu e meus leitores.
Mais de 10 homens fortemente armados ,invadem na calada da noite, o espaço aéreo de um país soberano,matam mulheres e crianças,tudo isso para matar um velho doente,desarmado e indefeso.Puta coragem tem esses americanos,né?
Não digeri até hoje essa estória da morte de Bin Laden;desculpem,sou meio grosseira,penso muito,analiso demais e isso faz muito mal aos poucos neurônios que me restam.
Há poucos passos da casa do Velho havia uma Academia Militar;será que não escutaram o barulho dos helicópteros assassinos? Muitos populares chegaram nas imediações e foram ameaçados de morte pelos bravos soldados americanos. Ninguém chamou a polícia?Ou chamou ,mas,ela ficou omissa?
E,depois,levaram um corpo enrolado num saco e levaram para bordo de um navio onde foi jogado ao mar.Será que os americanos não adorariam mostrar este troféu de guerra ao mundo?Sim,porque escrúpulos eles não têm.
Tudo muito nebuloso,não acham?

Mas,voltando ao filme,ele é impessoal;a diretora não louva nem condena a ação

 

 ,apenas mostra todos os horrores,sem discutir sobre eles.

Depois do que vi,entendi o porque de tantos militares americanos que lutaram no Iraque e Afeganistão voltam para casa moralmente doentes,drogados  e imprestáveis.Muitos doentes mentais que por ai atirando nos transeuntes e crianças nas escolas.

Porque o ser humano, por pior que ele seja,tem dentro de si uma centelha divina,uma pequena parte da energia pura do Senhor do Universo.

Um dia,o arrependimento bate;a consciência fala.E,eles não resistem a esse trauma mortal.

Ratificando meu pensamento ,a Bigelow termina o filme mostrando a “heroína” da fita voltando para casa.Missão cumprida.Mas,quando o piloto lhe perguntou para onde queria ir  lágrimas de dolorosa tristeza caíram do seu rosto;ela não tinha um lugar para ir,uma família,um homem amoroso,filhos,destino,objetivo,nada.

Um dia,quem sabe,essa “heroína” vai se encher de heroína e suicidar-se.

O Sábio Senhor é justo;será o destino deles todos.






 PORQUE TEMEMOS A MORTE?
“É preciso estar atento e forte
Não temos tempo de temer a morte!”

Nenhum animal teme a morte,pois,nem sabem o que é isso,nem podem prever o futuro.
As crianças,também ,não pensam nela,até que um passamento na família,um parente ,eufemisticamente,lhe diga:-Fulano foi pro céu.
Não sei porque razão em uma época remota qualquer as religiões judaico -cristãs ensinaram as pessoas a temer a morte;conveniência delas mesmo,talvez,que vivem de explorar a culpa e o medo.Nos países da Ásia esse medo é quase inexistente.
Nos ensinaram que a morte é extremamente dolorosa,o que é falso;as doenças são dolorosas,a morte ,não.Alguns morrem como quem adormece.Nas mortes violentas,traumáticas,o pavor chega enquanto se desenrola o acontecimento e o medo vira pavor.
Em qualquer situação pré-mortal ,perde-se o conhecimento devido á quantidade de gás carbônico e outras substâncias tóxicas que se acumulam no cérebro  embotam sua sensibilidade.A natureza,neste caso,é misericordiosa,acreditem!
A morte vem como um sono do qual não se desperta mais. Daí dizer-se “sono eterno”,quando nos referimos á indesejada das gentes.
É doloroso para os que ficam e perdem um ente querido,mas,não para o que parte.


                         MOMENTO DA POESIA

ORAÇÃO DA NOITE
Louis Lefèbvre

Trad. de Carlos Sá
Meu Pai, eis-me  presente. O meu dia findou.
Se algum bem pratiquei, muitas graças vou dou;
Se fiz mal, sucumbindo à minha indignidade,
Ora imploro o perdão de vossa caridade.
Nesta calma noturna, a meu lado eu vos sinto
E no meu horizonte outra noite pressinto.
Depois que o último sol luzir ao meu olhar,
Como a sombra da noite, a morte há de chegar,
Igualmente profunda e mais forte do que ela.
Das noites que eu viver, essa seja a mais bela!
O gesto a antecipar do supremo abandono,
Minha alma eu vos entrego, antes de vir o sono.
Recebei-a, meu Pai, a alma que se oferece,
Mas, elevando-a deste corpo que adormece,
Fazei-a vacilar, quando se desprender,
Para que adormecendo eu aprenda a morrer. 




                  FÁBULAS FABULOSAS

                          EU SEI TUDO

O pombo é uma ave tola e descuidada e sequer sabe fazer um ninho;amontoa um monte de gravetos arrumados de qualquer maneira numa abertura de m tronco qualquer onde,no inverno,o frio castiga.Então,ele promete a si mesmo que construir um ninho decente e aquecido para sua ninhada.
Mas,basta a primavera chegar,com o verde dos campos,o calor do sol e o perfume das flores para o nosso amigo esquecer-se  da promessa feita.
Já a pega,pássaro da família dos corvos,que é muito comum na Europa,é uma ave muito generosa e previdente;com pena do pombo,prontificou-se a ensinar-lhe a fazer um ninho decente.O pombo recusou,dizendo:-Eu sei,eu sei, eu sei!
Aborrecida, a pega disse:
-Pois bem; já que sabes,então fazes sozinho.E,foi embora.
O inverno chegou frio e violento.Com o seu ninho mal ajambrado o pombo e sua ninhada morreram  congelados.
Moral da história: se alguém quiser lhe ensinar alguma coisa,esqueça a vaidade.Ouça,aprenda,pois,um sábio já disse:
-“Tudo que sei é que nada sei.”

               ONTEM,COMO HOJE...








2 comentários:

  1. Muito bom Miriam.
    Analise do filme com sua critica ao sisteam opressor e invasor deles está em conformidade desde o Vietiname.
    Belo humor para aliviar estas reflexões.
    Um abração com carinho amiga.
    Bom passar por aqui.
    Um domingo abençoado pelo Sr.Do Bonfim.
    Bjo.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada,meu caro amigo.
    Tenha um bom domingo.
    Abração

    ResponderExcluir